6 passos para monitorar não conformidades e evitar recorrências nas construtoras – PBQP.

Bom dia leitores! Neste artigo irei orientar os gestores da qualidade a tomar ações para monitorar e evitar recorrências de não conformidades. Não conformidades são "rotineiras" nas incorporadoras, sejam elas por falta de qualidade do empreendimento, reclamações de clientes, reclamações internas do empreendimento, mas o que diferencia uma construtora de outra é a análise de causa e ações que a incorporadora irá tomar para evitar as recorrências dessas não conformidades. Quem nunca passou por este problema? Portanto, se torna primordial que os gestores sigam esses passos para evita-las:

  • Sempre analise a abrangência da não conformidade: Analisar a abrangência da não conformidade é olhar ao processo / empreendimento similar, analisar em que departamento o problema pode estar ocorrendo de maneira similar ao problema ocorrido, com isso emitir planos de ações para essas áreas ou projetos similares se torna necessário.
  • Envolver a equipe técnica da obra: Nem sempre isso é possível, ainda mais com a agenda atual de empreiteiros e engenheiros da construtora, mas envolver os colaboradores é primordial para evitar as recorrências da não conformidades, visto que cada colaborador possui uma perspectiva diferente do problema, podendo levar a diferentes causas e diferentes planos de ação.
  • Esteja aberto para ouvir: Este é um ponto primordial na solução do problema, pois caso algum colaborador da equipe técnica não esteja aberto a ouvir, muito provavelmente sua reunião para discussão da não conformidade será um fracasso, então diante deste fato se torna primordial que em seu "brainstorming" ou "toró de palpite" você aborde esta questão com a equipe.
  • Tome o controle da reunião: Quem nunca participou de uma reunião para discussão do problema "X" e acabou discutindo o problema "Y"? Isso é um problema rotineiro nas construtoras que necessita ser cortado pela raiz, pois você poderá sair da reunião sem um plano de ação ou uma conclusão da causa raiz do problema.
  • Remova distrações: Cheque celulares, tablets, informe a secretária que o "staff" da incorporadora estará em reunião, isso faz com que a reunião flua de uma boa forma e a equipe consiga se concentrar na causa raiz do problema.
  • Utilize ferramentas da qualidade: Essa com toda certeza é a dica mais importante que eu poderia dar, utilize ferramentas da qualidade para identificação da causa raiz do problema, tais ferramentas abrem um horizonte até então inexplorado pela construtora, faz com que o pensamento crítico se abra com a utilização de ferramentas gráficas, melhorando a visualização do problema.

Lembrando que: A norma do PBQP-H também regulamenta / orienta algumas questões sobre este assunto, oriento aos gestores ler o item 10.2 - Não Conformidade e ação corretiva do SIAC / PBQP-H.

Espero ter lhes ajudados. Até a próxima!